Tem sido motivo de crescente preocupação nas últimas décadas. Os seus efeitos fazem-se sentir em todo o mundo, sendo destrutivos e alertando a humanidade para um problema em que é fulcral existir determinação e coragem. Atenção! Temos de agir!!!

11
Dez 08

 

A poluição do ar contribui também de forma nefasta para a destruição do planeta vivo que é a terra. Os seus efeitos fazem-se sentir consoante o grau de poluição evidenciado e do tipo de poluente presente no local.

As principais fontes de poluição atmosférica são as indústrias (metalurgia, refinarias...), as centrais eléctricas e o grande número de automóveis dos grandes centros urbanos. Sendo estes últimos os responsáveis pela maior parte dos poluentes existentes na atmosfera.

 

Os seguintes vídeos mostram de forma clara os factores que contribuem para a poluição do ar, os seus efeitos locais e as suas consequências.

 

 

Este vídeo mostra como alguns industriais enriquecem e a canção em francês revela as preocupações dos efeitos ambientais futuras resultantes destas industrias.

 

Este vídeo faz um apelo para parar a poluição do ar.

 

Eis um pequeno resumo dos principais poluentes do ar e qual a sua origem.

 

Eis um pequeno resumo dos principais poluentes do ar e qual a sua origem.

Os poluentes do ar mais frequentes são o monóxido de carbono, o dióxido de enxofre, o dióxido de carbono, as partículas suspensas e o ruído dos grandes centros urbanos.Todos eles resultam do ritmo acelerado da crescente industrialização sem preocupações ambientais.

O monóxido de carbono resulta das combustões incompletas do carvão e acontecem quando não há oxigénio suficiente.

O dióxido de enxofre resulta da combustão do carvão nas industrias e quando expelido para a atmosfera combina-se com o vapor de água transformando-se em ácido sulfúrico, o qual vai dar origem às chuvas ácidas.

O dióxido de carbono provêm da combustão de matéria orgânica e do uso generalizado dos automóveis.

As partículas são materiais que se encontram em suspensão no ar. As mais comuns são:

- As cinzas e as fuligens resultantes da combustão do carvão nas industrias e dos incineradores de lixo.

- As poeiras libertadas pelas industrias do fabrico do cimento, do aço e das pedreiras.

 

O aumento excessivo destes gases afecta o equilíbrio ecológico na atmosfera, contribuindo para um crescente aumento da temperatura do planeta e por conseguinte para o efeito de estufa, o qual tem consequências nefastas para todos os seres vivos que nele habitam. Estas serão abordadas futuramente noutro post deste blog.                                   

                                                                    

publicado por poluicaoseculoxxi às 20:35

Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10

15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


mais sobre mim
Contador
pesquisa
.pessoas online
online
Obrigado pela visita!!!
Obrigado pela visita!!!